Azulejos que contam histórias

Azulejos com painel na bancada da cozinhaMistura de azulejos no fogão à lenha

Parede da copa revestida de azulejos antigos

Moldura do espelho com azulejos alegres

Azulejos pintados à mão para compor o painel da piaAzulejos nos degraus da escada

Tenho que admitir que nos últimos meses tenho vivido uma espécie de retorno às origens. Esse negócio de escavar as raízes está influenciando bastante o meu gosto por estilos, materiais e objetos. Tenho tido uma especial predileção por madeiras de demolição e fibras naturais, assim como por objetos rústicos e antiguidades carregadas de história.

O resultado é que vocês, volta e meia, encontram aqui dicas e sugestões que eu diria, são a minha cara. Pra não fugir à essa regra momentânea, tem essa coisa dos azulejos. Já tem tempo que tenho visto em alguns blogs e sites legais, uma dicazinha aqui, outra ali, e eles me encheram os olhos. Fucei coisas novas e encontrei muitas outras sugestões, algumas com toques até bem modernos, que divido agora com vocês, e que espero que fiquem com os olhos tão cheios quantos os meus.

E porque cultura sempre é bom, vejam essas duas obras feitas com azulejos e seus pedacinhos coloridos.

 

Escadaria-Selaron-RJ
Parc Guell-Barcelona
Escadaria Sélaron no Rio de Janeiro e as bancadas do Parc Guell, de Gaudí, em Barcelona.

 

Fotos de cima até aqui embaixo em zigue-zague: Projeto de Laurent Bourgois no Desire to Inspire, azulejos anos 50 a 70 na  Revista Casa , Desire to Inspire de novo, sugestão de painel para pintar em casa do Remodeling Center, projeto de Murilo Gabarra no Arquitetura e Construção e a escada do Desire to Inspire.

Mais embaixo: Lime in The Coconut e Trivago

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

Você vai gostar também de:

, , , ,

13 Responses to Azulejos que contam histórias

  1. Matias 29 de agosto de 2012 at 4:19 #

    Olá! Muito obrigado por su respuesta. Encontré una lojista que vende los azulejos en SP.El problema es hora despacharlos a Europa. Vamos a ver si se puede resolver.

    Saludos,
    Matias

  2. Matias 25 de agosto de 2012 at 8:55 #

    Estimados todos!

    Solo hablo espanol (o inglés) espero que me entiendan. Les estoy contactando desde Helsinki Finlandia. Mi nombre es Matias, tengo 35 anos. He visitado Brasil varias veces por trabajo y por plazer. Quería hacer una pregunta: en Brasil he visto pequenas tiendas que venden el estilo de azulejos antiguos que se presenta en esta página blog. Con mi familia hemos comprado nueva casa y nos interesaria decorar una pared con este estilo de azulejos. Me podrían decir en dónde en Brasil podría averiguar los precios y la posibilidad de exportar hasta Finlandia? Alguna tienda que los vende. Estaríamos muy agradecidos por su ayuda.

    Saludos, Matias

    • Cris Turek 28 de agosto de 2012 at 22:01 #

      Olá Matias. Não estamos situados numa grande cidade e aqui não temos lojas que exportem esse produto. Talvez em grandes centros como São Paulo hajam lojistas que possam atende-lo, mas nesse caso eu não sei indicar nomes. Sinto não poder ajudar por hora.

  3. celia siqueira 5 de fevereiro de 2011 at 22:32 #

    Queria fazer um mural de azulejos desenhado por mim. Você saberia quem poderia executar a pintura?

    Amiga, eu indicaria que você entrasse em contato com algum artista ou ceramista que possui forno de alta temperatura, com queima acima de 1300 graus. Aqui em João Pessoa eu saberia indicar alguns. Você já tentou falar com alguém dessa área?

  4. Danilo 1 de agosto de 2010 at 21:12 #

    Olá Cris Turek,
    Realmente, achei muito legal a materia sobre os azulejos.
    Felizmente, sou o proprietario da maior rede de Azulejos e Pisos Antigos do Brasil, Cemitério dos Azulejos, estamos 30 anos no mercado.
    Estou na terceira geração, do ramo, e sempre estamos procurando reportagens iguais a essa para dar idéia para nossos clientes.
    Temos tudo em nossas lojas, e em nosso site, que estamos em reformulação.
    pisoseazulejosantigos
    Realmente, você esta de Parabéns. Com essa materia, e espero que possa ter mais reportagens, de como fazer grandes coisas, com esses pequenos azulejos.
    Vou continuar entrando no site, Vila do Artesão, e divulgando para todos que conheço.
    Parabéns mais uma vez.
    Danilo

    Danilo, muito obrigada. Na verdade eu adoro esses azulejos, acho esses usos incrivelmente belos. Parabéns pelo seu espaço, é muito bacana e os azulejos lindíssimos. Conte com a Vila se tiver dicas e sugestões para divulgar. Basta escrever. Um abraço.

  5. Vic 18 de janeiro de 2010 at 18:50 #

    Fiquei feliz com sua resposta , ainda mais sabendo que em breve vc. vai publicar outras idéias. O que eu tenho são azulejos inteiros ,já um pouco antigos, como gostei desta parede com bastante azulejos aleatórios, acho que ficaria legal ,eles são todos estampados, florido num tom bege. Muito obrigada !

    • Cris Turek 19 de janeiro de 2010 at 17:38 #

      Vic, eu acho que as imagens dão boas dicas. Se você tem quantidades iguais de azulejos com estampas diferentes, faça como na primeira foto. Se são bastantes diversos, monte ao seu gosto.
      A dica de organizar a composição no chão antes de colocar na parede, é a melhor saída. Assim dá para mudar quantas vezes quiser até achar a posição preferida.
      A dica que vou publicar é para azulejos lisos, somente. Mas fique de olho, pode ser que dê uma luz.
      De qualquer forma ficará muito bacana, com certeza.
      Abraços.

  6. Vic 17 de janeiro de 2010 at 16:43 #

    Achei maravilhosa a decoração com azulejos. Acho que ée pq. gosto de colchas de retalhos. Como posso fazer um revestimento em uma área de serviço com restos de azulejos, se puder me ajudar.desde já . Obrigada . Vic

    • Cris Turek 18 de janeiro de 2010 at 16:32 #

      Oi Vic. Você tem azulejos já quebrados, é isso?
      O ideal antes de fazer o revestimento, é separar montar a composição à parte, acertar a posição das peças antes de começar a fixar.
      Faça isso no chão, ao lado da parede que quer revestir. Ajeite bem do seu gosto, confira as medidas, e de resto é tudo igual.
      Prepare a parede repicando um pouco a alvenaria para que a massa fixe melhor. Coloque a massa conforme as instruções do fabricante e vá encaixando o desenho que você preparou no chão. Comece de cima para baixo, e depois espere secar para passar o rejunte.
      Se os azulejos estão inteiros, aguarde que estou pra publicar uma dica genial de como aproveitá-los.
      Mas depois me mande as fotos dessa parede, que já estou bem curiosa.

  7. Maria Elza 13 de novembro de 2009 at 17:05 #

    Adoro azulejos…principalmente os antigos.
    Seu blog é maravilhoso! parabéns!
    Artemelza

  8. benedita 4 de novembro de 2009 at 10:19 #

    amo acordar e ver que vcs me mandaram mensagens pois com vc e um passeio a arte mundial e com sabedoria e beleza obrigada e parabens

  9. Vera 4 de novembro de 2009 at 8:26 #

    Oi! Achei muito lindo estes azulejos…
    Eu colocaria em qualquer lugar de minha casa, pois dão um charme a mais em qualquer ambiente; é só saber harmonizar tudo!
    Abraços

  10. Cláudio Belmudes 7 de outubro de 2009 at 7:59 #

    Fantástico Cris!!…eu tbm adoro azulejos…..da um toque especial na decoração e ainda mais essa mistura de azulejos velhos fica demais!! Agora me diga uma coisa…pq. chama azulejo e não verdelejo…amarelejo…você sabe??…RSRS!!
    Bjs!

Deixe uma resposta