Bandeja com mosaico de pastilhas de vidro, como fazer

Bandeja decorada com mosaico de pastilhas de vidro

Material de mosaico comprado? Preparados? Vamos começar fazendo um bandeja com mosaico de pastilhas de vidro. Uma peça linda para usar na decoração, para presentear ou agregar aos seus produtos de venda. Se por acaso você perdeu a aula onde falamos sobre materiais e ferramentas, clique Mosaico, materiais para quem quer começar

Montar o mosaico é como fazer um quebra cabeça. Sempre é um desafio, e nunca um mosaico ficará igual a outro, mesmo se feito pela mesma pessoa. É um trabalho que exige paciência, disciplina e muito capricho.

É claro que, com a prática, levamos um pouco menos de tempo, e desenvolvemos métodos que facilitam o trabalho, mas é sempre uma novidade, uma criação. Acho que é por isso que eu gosto tanto! Não tem como enjoar.

 

Como fazer uma bandeja com mosaico

 

Separe uma peça de bandeja em MDF e pastilhas de vidro nas cores que escolher para seu desenho.

Pinte a bandeja com uma base

Pintura da peça de madeira

Primeiramente, pintaremos as laterais da madeira com tinta PVA branca.

 

Faça seu desenho na base da bandeja

Fazer o desenho

O desenho deve ser feito a lápis. Não faça nada muito pequeno, se você é iniciante na arte do mosaico, pois os desenhos pequenos são bem mais complicados para serem feitos em mosaico.

Conforme você for treinando, conseguirá fazer desenhos menores com mais facilidade

O desenho deve ser feito com lápis, pois, se você errar ou não gostar, pode apagar e refazer tudo.  Se você não sabe desenhar, use moldes. Há muitos riscos disponíveis na internet. Você pode também fazer algo abstrato, ou utilizar apenas cores misturadas.

Segredos da encadernação artesanal

 

Contorne o desenho pronto com uma caneta

Depois que você fizer um desenho que lhe agrade, contorne com a caneta, para que os traços fiquem mais visíveis.

Escolher as cores do mosaico

Para esta bandeja, escolhi as cores vermelho, amarelo, verde e branco.

Para descolar as pastilhas da placa, deixe-as em um balde com água, por aproximadamente 30 minutos. Depois de soltas, seque-as com uma toalha, e separe-as por cores, para facilitar seu trabalho.

Escolha as cores para seu trabalho de mosaico

A cola, que vem num tubo grande, foi colocada num frasco com bico mais fino. Eu uso um tubo de tinta para cabelo.

Como este mosaico é feito com cacos de pastilhas de vidro, usaremos a torques com roldanas, que proporciona um corte preciso.

O clips é minha pinça! Como disse a vocês, não me adaptei à pinça, e logo mostrarei como vocês usarão a pinça, ou um clips.

 

O mosaico

Comece sempre pelos desenhos, deixando o fundo para o final. Nos desenhos, a primeira parte a ser feita são os contornos. É muito importante que os contornos sejam perfeitos e sem espaços entre os cacos, para que o trabalho final fique impecável e sem falhas.

A parte de dentro pode e deve ter espaços (pequenos), que serão preenchidos depois com o rejunte.

Corte a pastilha para o miolo da flor

Nas flores, sempre começo pelo miolo, que faço inteiro, com uma única pastilha.

A pastilha deve ser arredondada, cortando-se somente as pontas e algumas sobras. Os pedaços cortados são muito pequenos, e não terão utilidade depois.

 

Cole primeiro o miolo das flores

A cola deve ser usada sem exageros. Se houver excessos, os dedos ficam cheios de cola, grudam nas pastilhas, e vira uma meleca.

Para cortes precisos use a torques com roldanas

No começo, parece difícil manusear a torquês, mas depois que você entende e se adapta, fica cada vez mais fácil. 

Nos desenhos, as pastilhas são cortadas em tamanhos bem pequenos. Muitas se perdem, pois não ficam mais planas, e devem ser jogadas fora. Quando não existia a torques com roldanas, era muito mais difícil, pois as pastilhas estilhaçavam, e muito mais se perdia.

Minha vida mudou depois que descobri a torques com roldanas!

 

Corte muitos pedaços de pastilhas para montar seu mosaico

Para os desenhos, nesse caso as pétalas, cortaremos algumas pastilhas vermelhas em vários pedaços pequenos: quadrados, triângulos, entre outros formatos, que se encaixarão, formando o mosaico.

 

Muita calma nessa hora! Treine bastante, não se desespere, e você conseguirá!

Corte muitas pastilhas, e descubra seu melhor modo tanto de cortar quanto de montar os desenhos. A minha forma de trabalhar não é necessariamente a sua, e por isto existem tantos mosaicos diferentes e maravilhosos.

 

A pastilha tem lado, preste atenção

É importante observar que as pastilhas têm um lado bem liso, que é o que deve aparecer, ou seja, ficar para cima. O lado que tem ranhuras é o que deve ser colado. Observem que o resultado final do mosaico é sempre liso, plano.

Aplique cola sem exageros

Comece passando uma linha de cola, dentro do desenho, sem atingir o contorno. 

Preencha o desenho respeitando o contorno

Cole os cacos bem próximos, para que o contorno fique perfeito. Cubra a linha do contorno com os cacos, mas não a ultrapasse. Ela é a base de seu desenho.

Complete cada parte de uma vez

Conforme já mencionei, a parte de dentro dos desenhos pode e deve ter pequenos espaços, como vemos ao lado.

Use a pinça para posicionar melhor os pedaços das pastilhas

Use a pinça para encaixar as pastilhas em espaços pequenos, quando os dedos podem atrapalhar e mexer no que já está feito.

Um clips aberto também funciona para ajeitar as peças

Um clips aberto também funciona para ajeitar as peças. Eu prefiro usar o clips. Descubra o que você gosta mais para executar essa tarefa. 

Pétalas já preenchidas com as pastilhas de vidro

Conforme fazemos o mosaico, quando a cola vai secando, é bom pressionar levemente o trabalho já feito, com os dedos.

Se alguma pastilha mexer ou levantar, e ficar com a ponta para cima, conseguimos deixa-la novamente nivelada, antes que a cola seque totalmente. Isto é muito importante porque, se algum caco ficar com a ponta para cima, pode machucar alguém depois. É essencial fazer o mosaico plano e bem nivelado, com acabamento perfeito.

 

Comece os ramos e galhos pelas pontas

Os ramos e galhos devem ser iniciados pelas pontas, como na imagem. 

Galhos e ramos preenchidos com pastilhas

E depois serem preenchidos até completar o desenho.

Corte as pastilhas para preencher o fundo

Fundo

No fundo, a maioria dos cacos pode ser maior que os dos desenhos. Eu os corto na diagonal, pela metade.

Preencha o fundo da borda para o centro

Começo colando os cacos nas bordas, e depois preencho a parte interna.

Como disse anteriormente, não é necessário grudar um caco no outro. Deve haver espaços (pequenos) para o rejunte. Em alguns lugares, usaremos cacos menores, onde os maiores não entram.

Espere o mosaico secar por 24 horas

Quando o mosaico estiver pronto, espere secar por 24 horas. 

A confecção do fundo é muito mais rápida que a dos desenhos, pois não há formas.

Dica – quando colar as pastilhas, a cola pode pegar nos dedos e depois na parte de cima das pastilhas. Tente limpar esta cola antes que ela seque, pois depois é bem mais trabalhoso para remove-la.

Rejunte

Em um pote, coloque rejunte e um pouco de água. Para peças pequenas, é necessário pouco rejunte. Eu uso um tubo de cola cortado, como mostrei no primeiro post. Para uma bandeja, utilizo metade do pote.

No início, coloque pouca água, e mexa bem. Vá colocando água aos poucos, sempre mexendo bem, prestando especial atenção ao rejunte que fica no fundo, e deve ser misturado. É como bater massa de bolo. A massa, inclusive, fica com uma consistência parecida com a da massa de bolo, somente um pouco mais dura.

Deixe a mistura descansar por 15 minutos e misture novamente.

Aplique rejunte depois do mosaico seco

O rejunte deve ser aplicado com uma espátula de plástico.

Passe o rejunte com cuidado, e deslize a espátula em todos os sentidos, para que a massa preencha todos os espaços.

Nas bordas aplique com o dedo

Nas bordas, passe o rejunte com os dedos, e tente não deixar que o rejunte atinja a madeira. 

Deixe o rejunte secar por 10 minutos

Deixe secar por aproximadamente 10 minutos. Nunca deixe por muito tempo, pois, depois que o rejunte seca, é muito difícil limpá-lo.

Limpe bem o rejunte

Limpe suavemente com uma estopa seca. Não pressione a estopa, pois você pode retirar o rejunte, ainda úmido, dos vãos. O objetivo aqui é tirar o excesso de rejunte, e não limpar tudo. 

Limpe bem os cantos da bandeja

Note que nos cantos sobra muito rejunte. Retire o excesso com uma chave de fenda.

Depois de bem limpo deixe o rejunte secar totalmente

Espere secar mais, por aproximadamente uma hora.

Limpe agora com uma estopa úmida

Limpe novamente, agora com uma estopa úmida, para remover o excesso de rejunte.

Agora você pode pressionar a estopa, pois o rejunte, apesar de não estar totalmente seco, não está tão úmido, e está fixado.

Retire também todo o rejunte das bordas, cantos e, se houver rejunte na madeira, lixe levemente. Aguarde 24 horas para que o rejunte seque totalmente.

Enquanto isso, pinte a bandeja.

 

Proteja o mosaico para fazer a pintura

Para fazer a pintura proteja as bordas do mosaico com fita crepe. 

Eu gosto muito da pintura em pátina palha, pois a cor não interfere no mosaico, por ser neutra, e combina com qualquer decoração. Você pode escolher a cor que quiser. Se quiser aprender a fazer pátina, sugiro que veja este passo a passo, Como fazer pátina e reciclagem de caixote

Para usar outras cores, aplique duas a três demãos. Dê preferência para a tinta esmalte à base de água. Existem várias marcas boas no mercado.

 

Limpe também na parte interior da bandeja

No outro dia, limpe novamente o mosaico com uma estopa úmida. Se notar que sobrou rejunte em algumas pastilhas, assim como cola seca, retire com a chave de fenda.

Deixe tudo perfeito para a aplicação do verniz.

Aplique o verniz com uma estopa

Finalização do trabalho – Verniz Acrílico

Aplique o verniz acrílico com uma estopa, esfregando bem, para proteger seu trabalho. O objetivo aqui é proteger o rejunte, e não as pastilhas.

 

Logo depois de aplicar o verniz, limpe com uma estopa nova e limpa, para tirar o verniz das pastilhas. Tem que ser rápido, pois ele seca e é difícil tirar. O verniz penetra rapidamente no rejunte, então não tenha receio, pois ele não será removido de lá.

Não exagere no verniz, pois ele rende muito.

Eu não aplico verniz em minha pintura, pois uso tintas acetinadas e brilhantes, que não precisam do verniz.

Espero que vocês entendam minhas explicações, e que se animem para colocar a mão na massa!!!

Se tiverem dúvidas, escrevam nos comentários, que logo serão respondidos.

Hoje o post foi grande, porque senti a necessidade de explicar cada passo a vocês. Nos próximos não falarei tanto, tá?

Desejo a vocês um bom trabalho, e que tenham muita inspiração!

Tudo aquilo que fizerem, façam com amor!

Lembrem-se sempre que a paciência é uma das maiores virtudes!

Beijos,

Vero

Vero Kraemer nossa professora de técnicas de mosaico

Sou a Vero Kraemer colunista sobre mosaicos.

Visitem o Além da Rua Atelier e conheçam todo o meu trabalho.

 

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

Você vai gostar também de:

, , ,

54 Responses to Bandeja com mosaico de pastilhas de vidro, como fazer

  1. Ana Paula 3 de fevereiro de 2016 at 21:50 #

    Olá, amei seu blog, tenho seguido e tem me inspirado bastante. Qd a pastilha de vidro cristal vem montada numa tela posso remover a pastilha dela ou devo cortar com a tesoura para não remover a tela e prejudicar a retenção?
    bjim

  2. Iolanda 10 de dezembro de 2015 at 9:39 #

    Oi!
    Parabéns! Sua explicacão ficou clara, mas gostaría de saber se existe um rejunte incolor para
    uso em materias de vidro.
    Obrigada.
    Iolanda

  3. Darci Cotrim 8 de novembro de 2015 at 22:01 #

    Adorei as explicações, mas fiquei com uma duvida: a peça pode ser molhada? Estou querendo revestir uma mesinha para fazer de suporte para pia de banheiro. Fica resistente a água. ? Pode me falar de novo com o que que vc cola a pastilha na madeira

  4. Tânia 12 de setembro de 2015 at 14:49 #

    Você é extremamente didática, não tem como não entender o que você explicou, amei,estou doida pra colocar a mão na massa.

  5. Juliana 9 de maio de 2015 at 17:40 #

    Adorei sua explicacao, mas uma pessoa me falou q eu poderia ao inves do verniz cera em pasta para passar em casa, o q vc acha melhor

  6. Silvia Lima 19 de fevereiro de 2015 at 20:23 #

    Oi Vero, tudo bem?

    Estou primeiramente juntando todo os materiais que vou precisar, ainda me falta a torquês de roldanas e outras coisas , mas já dá pra começar. Agora é só me aventurar e ter seu apoio! Obrigada e beijos!!!

  7. ERLY NOGUEIRA DE FARIA E BREDA 21 de setembro de 2014 at 14:52 #

    Boa tarde de domingo, Vero! Amei seus trabalhos e o passo a passo, onde pude aprender melhor a técnica do mosaico.Já fiz duas bandejas , mais pela intuição.Pelo que vc faz cometi alguns erros. Agora vou tentar de novo ,seguindo as técnicas certas para o trabalho perfeito.Aprendi o corte das pastilhas certinho e vou comprar o alicate de roldana.E o que mais me deu trabalho foi o rejunte,mas agora sei como é para ficar certinho.Fiz as bandejas com detalhes geométricos e nunca cortei as pastilhas.Fiz com elas inteiras

  8. Marcia Bardella 18 de agosto de 2014 at 17:56 #

    Olá Vero. Adoro seus trabalhos. Seu passo a passo é bem didático, mas fui passar o verniz FC12 fosco no meu mosaico, como você explicou e o mosaico ficou meio manchado, precisei esfregar com uma escovinha molhada. Por que aconteceu isso? De resto deu tudo certo. Obrigada. Um abraço.

  9. Janaina 7 de junho de 2014 at 21:51 #

    Olá. Gostaria de saber se posso substituir o verniz por cera em pasta incolor. Seria mais fácil? Vou começar a fazer mosaico e gostei muito de vc explicar tão detalhadamente Parabéns.

  10. elisabeth marques 26 de janeiro de 2014 at 21:48 #

    Adorei a aula de mosaico tu explica muito bem. Na escola aprendi q quando se divide ficamos com menos, na vida aprendi q quem divide multiplica, bjos muita saúde e muito trabalho e claro muitas idéias bjos beti

  11. jorge luis 22 de janeiro de 2014 at 8:37 #

    Vero, gostei muito das suas dicas, o material para fazer mosaico é muito caro? é fácil de encontrar?

    parabéns pelo passo a passo.

  12. Rosamaria 13 de dezembro de 2013 at 16:38 #

    Olá Vero
    Amei a sua aula – com detalhes! Tem que ser assim mesmo, principalmente para quem ainda não sabe nada da técnica. Parabéns!
    Muito obrigada e que Deus continue te capacitando mais e mais.
    Um abraço,
    Rosa

  13. Gislene 24 de novembro de 2013 at 20:38 #

    Acho tão delicados esses desenhos ! Eu gostaria de aprender. Aqui ao lado de casa tem uma casa que ensina mosaico. Faz tempo que tenho vontade de fazer um curso, mas aí pinta a eterna dúvida : me aprofundar mais no patchwork ou iniciar o mosaico. Um dos dois eu farei ! Bj e achei super legal esse pap. Bj e boa semana !

  14. Sandra Godoi 31 de outubro de 2013 at 9:48 #

    Olá Vero, adoro mosaico e seu trabalho é muito lindo. Voce também explica muito bem. Gostaria que me ajudasse a resolver um desafio aqui em casa. Quero aplicar a técnica do mosaico na parede. Tenho visto sempre mosaicos em madeira e plástico, a técnica e os produtos devem ser diferentes,não é? E o uso da tela, voce pode explicar. Agradeço pelas postagens e compartilhamento da sua sabedoria.

  15. Aline 30 de outubro de 2013 at 9:55 #

    Olá!
    Adorei, tudo muito bem explicadinho!
    Só uma pergunta, onde encontro essas pastilhas, casa de construção?
    Bjus,
    Aline.

  16. camila cirilo de almeida 18 de setembro de 2013 at 0:49 #

    Olá boa noite, quero fazer mosaico na minha escada de piso utilizo a mesma cola? ou cimento?

  17. Sonia Ap.S.Gusman 2 de setembro de 2013 at 13:39 #

    Vera, adorei suas explicações e queria saber onde arrumo a torques que vc usa, pois parece que dá para fazer uns cortes mais precisos com ele.
    e o que vc usa na base para fazer numeros de casa sem ser de madeira pois com o tempo estraga

  18. Andrea 1 de junho de 2013 at 13:20 #

    Olá Vero,

    Terminei meu primeiro trabalho em mosaico e me apaixonei pela arte. Tenho visto em alguns trabalhos petalas de margaridas modeladas inteiras. Vc sabe onde posso comprar essas petalas e outros materiais? Grata pela atenção…

  19. Rejane 13 de maio de 2013 at 17:26 #

    Posso usar a termolina leitosa no lugar do verniz acrílico? Parabéns pelo seu trabalho!

  20. Marla 27 de janeiro de 2013 at 14:40 #

    Oi, Vero! adorei a bandeja, vou fazer. Obrigada pelas dicas, uma que me ajudou muito foi a do rejunte, o meu ficava cheio de bolinhas e demorava a secar, mas agora entendi o pq. Obrigadao!

  21. Marli 13 de janeiro de 2013 at 23:04 #

    Amei suas orientações e dicas. Os trabalhos são maravilhosos. Parabéns.
    Marli

  22. Judite Dourado 10 de janeiro de 2013 at 22:32 #

    Amei o seu blog, não tem como não aprender, amo artesanato, confesso que mosaico nunca fiz, agora depois de uma aula tão detalhada, não tem como não arriscar… beijos,
    Judite

  23. Adriana Ribeiro 4 de janeiro de 2013 at 2:23 #

    Amei !!! Sua explicação deixa a gnt mais confiante para iniciar … agora é comprar os materiais e mão na massa !!! rss

  24. rosemeire 17 de dezembro de 2012 at 22:45 #

    gostei das explicações, continue dando os detalhes.

    obrigada

    ,,

  25. Idelma Capistrano 21 de outubro de 2012 at 21:03 #

    QUE DEUS CONTINUE TE ILUMINANDO !!! TAVA SEM RUMO, E O MOSAICO TA FAZENDO UM REENCONTRO COMIGO MESMA E JÁ ME PERMITO SONHAR… TOU NUM PROJETO MAIS SEM MUITA ESTRUTURA, TOU SUGANDO TUDO QUE POSSO E A INTERNETE TÁ ME AJUDANDO MUITO…VC ENTÃO É MINHA BUSSOLA, OBRIGADA POR TUDO !!!

  26. Tere 26 de setembro de 2012 at 12:23 #

    Ficou lindo! Taí uma coisa que nunca tentei fazer!!!! Mas agora fiquei tentada!!!! Beijo no coração!

  27. Maysa Folmann 3 de setembro de 2012 at 11:31 #

    Olá Vero! Adorei o post, parabéns pelo seu lindo trabalho! Gostaria de saber se posso fazer um espelho com mosaico.. Tenho pedaços de espelho quebrado e queria aproveitar!

  28. Celinha 27 de agosto de 2012 at 20:47 #

    Vero…
    Tinha me esquecido de comentar… fiz a bandeja… quem sabe tenho coragem e te mostro…rs
    Grande beijo.

  29. Danielle Langamer 31 de julho de 2012 at 11:55 #

    Olá Vero, olha continue a fazer posts detalhados em passo a passo, cada detalhe é único e muito importante! Amei seu post sobre mosaicos, meu sonho era aprender a faze-los, com sua ajuda acho que já posso me arriscar a começar! Muito obrigada por dividir conosco sua experiencia!!!! Com certeza isso só irá engrandecer seu trabalho! Beijos

  30. Elizabeth Carlet Neves 31 de julho de 2012 at 11:37 #

    PARABÉNS A VILA DO ARTESÃO NOS ENSINA TRABALHOS MARAVILHOSOS.

  31. bete 3 de julho de 2012 at 9:38 #

    Vero,parabéns!!!pela linda bandeja,bjus

  32. jorgete.34 1 de julho de 2012 at 20:10 #

    linda esta bandeja c/ suas dicas vou tentar fazer

  33. Lauisa Sousa 1 de julho de 2012 at 14:43 #

    Pode falar o que quiseres e o quanto puderes mais detalhado que esse pap impossível..arrasou flor de laranjeira…amei..um dia qd eu crescer quero ser igual a vc..te gosto muito minha diva e musa inspiradora

  34. Andréa Cabral de Oliveira 30 de junho de 2012 at 21:23 #

    Querida,
    Depois de uma explicação dessas acho que até eu consigo.
    Obrigada por essa aula. Parabéns!!!

    Beijo grande e bom fim de semana.
    Andréa Cabral

  35. Fabiana 29 de junho de 2012 at 20:10 #

    Verônica, não tenho palavras para agradecer por tão boa explicação!
    Você é muito paciente conosco, pobres mortais, loucos para aprender mosaico.

    Beijos!

  36. Casinha Fofa 29 de junho de 2012 at 20:04 #

    Querida Vero,
    Não fazia ideia de que o trabalho de mosaico tinha tantos detalhes, era tão minucioso. Que arte incrível!! Muitos parabéns pelo resultado maravilhoso na bandeja! Fiquei impressionada. Bjs,
    Mara Evans

  37. May Ferreira 29 de junho de 2012 at 19:23 #

    Muito bem explicado, agora me animei e vou fazer, Obrigada pelo carinho e detalhes da orientação.
    Abraços.

  38. Rute Vallin Casaca 29 de junho de 2012 at 11:48 #

    Boa noite,

    Sera que vcs podem me ajudar?
    Pretendo fazer mosaico que tomará chuva, posso fazer no azulejo?
    ele tb cola e pega rejunte?

    Obrigada

  39. Marineli 29 de junho de 2012 at 10:54 #

    Olá, trabalho lindo esse! A minha lista de preciso fazer está aumentandoooo … Deus te inspire sempre. Bjks

  40. Claudia 29 de junho de 2012 at 9:43 #

    Vero, queria saber sobre o torques, pois já fiz mosaico mas com azulejo e outro tipo de torques que me prejudicou por causa da tendinite e tunel do carpo. Este que tu usa é de fácil manuseio, precisa fazer muita força? Também gostaria de saber onde comprar pois gostei muito de fazer o mosaico mas não pude avançar na técnica devido aos movimentos forçados com as mãos. Parabéns pelos trabalhos, são lindos e tbm pela mega, foi especial. Claudia. admiradora de seus trabalhos.

  41. dri 29 de junho de 2012 at 1:15 #

    Amei Vero muito linda a bandeja e foi muito bem explicadinho parabéns minha amiga beijão pra vc!

  42. Juliana 28 de junho de 2012 at 13:17 #

    Maravilhoso o post. Explicações muito detalhadas até me animou para tentar. Vou atrás do material este fim de semana.
    Obrigada!

  43. Talita 28 de junho de 2012 at 12:25 #

    Nossa, que trabalho lindo!

  44. Laura Vieira 28 de junho de 2012 at 12:09 #

    Mais uma vez obrigada amiga, adorei os seus ensinamentos
    Beijocas
    Laura

  45. Mzrcia Liliam Simon Baniski 28 de junho de 2012 at 11:47 #

    Vero, pode falar o quanto quiser, pois suas explicações foram das melhores que já recebemos.Até me animei a trabalhar com mosaico.Aqui onde moro(praia) muitas pessoas trabalham com mosaico, mas através deste site é que percebi o quanto é gostoso este trabalho.Só faço bem o que faço com amor.E amo o que faço.Meu abraço,Marcia

  46. Maria José 28 de junho de 2012 at 11:43 #

    Verô adorei a explicação. agora sim sinto firmeza em experimentar. Obrigada. Bjus.

  47. ELIANE 28 de junho de 2012 at 10:12 #

    Belo trabalho, parabéns! Além e de fácil execução.

  48. Rita de Cassia 28 de junho de 2012 at 9:29 #

    Bom dia Vero

    Parabéns ! seu trabalho é maravilhoso e suas explicações também. Confesso que há muito tempo aprecio este tipo de trabalho, mas nunca vi uma explicação tão detalhada e clara. Voce me incentivou muito. Vou tentar e depois encaminho fotos do meu novo trabalho.
    Que Deus te ilumine mais ainda.
    Com carinho

  49. luciana duque coura 27 de junho de 2012 at 23:32 #

    Olá!
    Adorei a bandeja, dentre outras coisas artesanais. Gostaria de saber se o mosaico pode somente ser de vidro, pois n gosto muito de trabalhar com vidro. Aguardo, pq quero muito fazer!!!
    Lindo trabalho…obrigada;luciana

  50. Orávia 27 de junho de 2012 at 22:53 #

    Adorei. Tentarei, pois penso nisso faz mto. tempo….Apenas não percebi a necessidade de se usar veniz. E esse verniz pode ser substituido por outro produto? bj…parabéns pela explicação do mosaico. Super, hiper….Orávia.

  51. Eva Veras 27 de junho de 2012 at 22:27 #

    Boa noite !
    Sou muito fã deste site,sempre me inspira.
    Adoro mosaicos e a ideia de poder usar essa técnica na reciclagem.Gostaria de saber se posso aproveitar embalagens plasticas no lugar das pastilhas de vidro e também,se para faze-lo,posso usar a mesma cola e rejunte.Tanto para superfície de madeira,plástico,cimento ou vidro.
    Desde já,agradeço.
    Eva Veras

  52. Iranilde Brissant 27 de junho de 2012 at 20:44 #

    Vero,
    Parabéns!!!
    Perfeito… que Deus lhe ilumine cada vez mais, para que você continue distribuindo essa luz como sempre faz.
    bjs

  53. Mariane Zanotelli 27 de junho de 2012 at 20:26 #

    OLÁ VERO,
    SEMPRE QUE POSSO DOU UMA OLHADINHA NA SUA PÁGINA.lEGAL…GOSTO MUITO DO SEU TRABALHO E O MELHOR DE TUDO É PODER COMPARTILHAR DA SUA GENEROSIDADE:OBRIGADA.
    HÁ ALGUM TEMPO TENTEI ENVEREDAR PELOS CAMINHOS DO MOSAICO E SEMPRE ACHEI QUE OS PEDACINHOS DE PASTILHAS DEVERIAM FICAR BEM JUNTINHOS,FORMANDO UM DESENHO QUASE SEM ESPAÇO ENTRE ELES. ACHO QUE FICOU MAIS FÁCIL.VOU TENTAR NOVAMENTE.UM ABRAÇO.

  54. Renata 27 de junho de 2012 at 20:01 #

    Parabéns!! ja estou providenciando o material pra iniciar meu primeiro mosaico… uma duvida quando quebramos a pastilha com a torques tem perigo de espirrar cacos da pastilha?

Deixe uma resposta