Como restaurar uma mesa de azulejos, dica da leitora

Como restaurar uma mesa de azulejos

Ontem eu prometi um post supimpa com dicas de móveis, e aqui estou cumprindo a promessa com as dicas de como restaurar uma mesa de azulejos. Com esta aula você já pode tanto fazer uma mesinha novinha do zero (ensinada ontem aqui) quanto dar uma recauchutada naquela mesa judiada que está com uma toalha em cima pra esconder os defeitos. Duas dicas baixo custo que mantém a casa decorada e linda.

Quem compartilhou esse projeto conosco foi a leitora Gloria Larangeira que trabalha com mosaicos mas volta e meia socorre alguém com dificuldades como essas. Será que você se encaixa? Dá uma olhada, quem sabe você tira proveito das dicas e recupera alguma peça que você já possui.

A mesa e banquetas aí no alto não ficaram bonitonas assim do nada. A Gloria conta que elas estavam encostadas no quarto de bagulhos, esperando pelo veredicto final, quando ganharam sua segunda chance. Conta pra gente, Gloria:

Estado inicial da banquetas

Bem sabemos que se trata de um objeto de antiguidade (este deve ter pra lá de 60 anos, mas vamos combinar que mais de 40 já podemos considerar este objeto um ‘jovem senhor’), e é o caso desta linda mesa com banquetas que já estava na família há mais de 40 anos. Já pensou quantas histórias ela ouviu? Quantos “netos” passaram por ela?

Azulejos com motivos portugueses

Ela é de madeira nobre e o centro com azulejos portugueses, aqueles do galinho, lembram? Pois é, mas já estavam bem surrados, alguns azulejos quebrados, e até tentaram colocar no banquinho (olhe acima) azulejos que em algum momento foram utilizados numa obra da casa.

Mesa com azulejos removidos
Porém, e há sempre um porém, ao retirar os azulejos da mesa, o fundo ficou bastante danificado. Em alguns pontos o fundo saia colado no azulejo, então seria necessário igualar esta base para que os futuros azulejos ficassem perfeitos.

Não vi a necessidade de substituir a folha de madeira, eram somente alguns pontos, como falei a mesa estava em ótimo estado. Decidi que um preenchimento com serragem nos pontos que mais precisavam ser igualados seriam suficientes para corrigir o nível, e muito mais barato!

Banquetas limpas e niveladas

A serragem é o pó do corte das tábuas, você pede e o marceneiro te dá de graça. Mas não basta jogar a serragem sobre o fundo não, tem que fazer uma pastinha com ela, que é vapt vupt: serragem + cola branca extra forte + água. 

Não tem uma receita pois tudo depende se a serragem está mais úmida ou não, se o lugar que você mora é seco ou úmido… enfim… esta mistura precisa ficar como uma pasta nem muito dura e nem muito mole, ok? Aplique na base com ajuda de uma espátula. Isso só se for o seu caso.

Aplique a massa de cimento

Uma vez que todo o fundo ficou sequinho (aqui na minha cidade levou 2 dias este processo, pois não parava de chover), foi só preparar a argamassa e ir aplicando na base.

Aplique a massa aos poucos

Faça isso por partes, aos poucos, não aplique a massa na base tudo de uma vez, e siga colocando os azulejos bem alinhados.

Numere os azulejos antes

Previamente eu já havia definido a posição e numerado os azulejos na ordem em que deveriam ser aplicados sobre o fundo.

Siga colocando os azulejos

Aos poucos o tampo da mesa começa a ganhar vida.

Finalize com rejunte e verniz

Depois de todos os azulejos assentados, espere o dia seguinte e rejunte.

Só isso gente! Simples assim!!!

Depois que este processo de colocação dos azulejos ficou pronto, passei novo verniz para valorizar ainda mais a cor original da madeira, que foi mantida.

O mesmo foi feito nas banquetas, que ganharam lindos azulejos estilo vintage. Como não gostar!!! Pocedimento igual para as banquetas
E assim o conjunto voltou ao convívio da família.

Tem uma mesinha aí jogada no canto? Tadinha, tudo tá tão caro hoje em dia, vamos transformar!!!!

Olha que lindo ficou na varanda!!!!
Mesa e banquetas prontas pro uso

É isso aí Gloria, ótima dica. Tantos móveis antigos de excelente qualidade que acabam sendo descartados quando ainda tem condições de seguir por mais uma geração, quem sabe…..concordo com você: vamos transformar e dar um reuso ao que é possível.

Menos consumo excessivo, menos lixo para o planeta, que agradece.

A Gloria já deu uma outra dica anteriormente, clique e confira Restaurando uma mesa de mosaico e mais que isso, siga o exemplo, porque vale a pena.

Conheça o trabalho da Gloria visitando Atelier Baú de Ideias. Se tiver dúvidas, escreve pra ela no[email protected]

Você também pode colaborar com um post, me escreva em [email protected] e pergunte como.

Fotos: Gloria Larangeira

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

Você vai gostar também de:

, , , ,

22 Respostas para: Como restaurar uma mesa de azulejos, dica da leitora

  1. sergio 5 de outubro de 2016 at 14:16 #

    Com a argamassa não fica muito pesado? Pode ser com cola?

    • Cris Turek 6 de outubro de 2016 at 11:18 #

      Sergio, é uma camada muito fina de argamassa tipo Cimentcola. Claro que a base da mesa precisa ser de boa espessura, mas não pesa como imagina. De qualquer modo pode usar cola branca na montagem e rejunte no acabamento. Só não economize na cola ou os azulejos sairão do lugar 😉

  2. Vera machado 28 de junho de 2016 at 14:11 #

    Oi Cris ….adorei o seu trabslho.
    Tenho uma mesa de madeira ripada e as cadeiras tb são ripada
    Como posso restaura-lá colocando azulejos no tampo da mesa.

    • Cris Turek 29 de junho de 2016 at 16:12 #

      Vera, para cobrir com azulejos você precisará de uma superfície de base totalmente lisa e fechada. Não sei como é a sua mesa, mas ela não pode ter frestas nem desníveis, ou corre o risco de trabalhar e soltar ou trincar os azulejos. Com uma base lisa, o processo é exatamente o deste post, aplicar argamassa e assentar os azulejos. Eu substituiria o tampo por uma chama lisa e reproduziria este pap. Beijos.

  3. Joseane Morrone 24 de novembro de 2015 at 8:50 #

    Olá, eu posso aplicar essa técnica em uma mesa com tampo de ferro? Ou só pode ser sobre superfície de madeira?

    • Cris Turek 25 de novembro de 2015 at 20:45 #

      Joseane eu faria um teste primeiro para ver se a fixação fica boa, mas teoricamente deve funcionar sim.

  4. debora 17 de maio de 2015 at 18:12 #

    Essa mesa já era meio escavada por que havia azulejos, caso fosse plana, seria só argamassa e por os azulejos por cima? e as laterais como ficaria para fazer acabamento?

    • Cris Turek 18 de maio de 2015 at 12:41 #

      Debora nesse caso você teria que fazer uma moldura para as bordas. Em lojas de madeira existem várias opções para você aplicar sobre sua superfície de base. Sugiro que procure uma em sua cidade e veja de perto as opções.

  5. aldelice dias 15 de maio de 2015 at 21:23 #

    Adorei as suas sugestões sobre esse trabalho

    • Cris Turek 18 de maio de 2015 at 12:51 #

      Obrigada Aldelice, beijos.

  6. Cicera 24 de abril de 2015 at 13:53 #

    Tenho uma mesa de madeira pintada, devo retirar toda a tinta ou só é necessário lixar? por favor, qual é a argamassa que devo usar na mesa?

    • Cris Turek 5 de maio de 2015 at 13:30 #

      Sim Cicera deve lixar sim. Use argamassa tipo cimentcola.

  7. Thelma Jussara 1 de abril de 2015 at 10:45 #

    Venho amadurecendo a muito trabalhar com mosaico. Sou esteticista ,porém uso mais o artesanato com MDF e cristais Egípcios etc… como meu trabalho ,mas me lembro desde pequena que vi meu pai ser um artesão na arte de construção de nossas casas. Como ajudante dele em obras desenvolvi o interesse por tudo que está ligado a embelezar casa,por isso decoro com lustres , MDF e coisas aproveitáveis recicladas,pois foi com areia de chuva que meu pai fazia massa para colocar tijolos uns sobre os outros. e toda a decoração ele utilizava o própria massa para bancos e demais embelezamento de nossa casa. Era um artesão e nem sabia…rsrsrsr
    E tenho assistido muitas aulas sobre mosaico e amei esta mesa ,até porque, bem diferente ,eu dei um trato numa mesa em minha casa que dizem ficou linda!.
    Obrigada por suas postagens que me dão idéias lindas.
    Ficou belíssima esta mesa e rústica ,como mineirinha amei mais ainda!
    Obrigada!

    • Cris Turek 7 de abril de 2015 at 11:58 #

      Thelma quem tem um artesão no sangue não consegue fugir da origem, 🙂 Espero que possamos continuar te inspirando hoje e sempre. Beijos.

  8. MARIA ROSANE RODRIGUES 21 de março de 2015 at 21:25 #

    nossa muito lindo vou fazer no meu escritório .

    • Cris Turek 24 de março de 2015 at 13:11 #

      Maria Rosane mande-nos fotos depois.:D

  9. Eliane Teixeira Mota 6 de março de 2015 at 10:50 #

    Lindíssimo! queria uma idéa, pois meu corredor está soltando os parquês…

    • Cris Turek 6 de março de 2015 at 13:23 #

      Eliane os parquês são muito valorizados na decoração. Se puder, recupere o piso, 😉 Bjs.

  10. Cleo Lopes 2 de março de 2015 at 12:59 #

    Tenho uma cadeira antigo e gostaria de pinta,
    Ela e de veniz claro, gostaria de pinta-la de branco
    Ou perola, um stilo envelhecido, puxando p
    O classico, vcs poderia me dar alguma dica?
    Moro em Londres e gostaria mt de eu mesma fazer
    Este trabalho.
    Obrigada

    Cleusa Lopes

  11. salette paulino 27 de fevereiro de 2015 at 12:50 #

    Olá equipe da Vila…
    Vocês não podem imaginar o que fizeram comigo hoje ,rsrsrsrs.
    Sabe aqueles dias em que levantamos só porque sentiu o cheirinho do café?
    Sim….hoje…. e vejam só que após o famoso cafezinho encontrei? Vocês, mais uma vez com uma ideia maravilhosa!!!!!Esta restauração ficou belíssima . Oba!!!terei o que fazer hoje e mais alguns dias com muita alegria,Vou restaurar minhas mesinhas.
    Beijos a Todos e parabéns para mais um sucesso da Vila

    Abraços Salette

    • Cris Turek 27 de fevereiro de 2015 at 18:36 #

      Puxa Salette, Vila do Artesão acompanhada de um bom café é mais que um elogio, é um incentivo pra mim mesma. Beijo gigante e lembre de mandar as fotos das mesinhas depois, ok?

Deixe uma resposta