Jornal de ontem é o sapato de hoje

Designer Colin Lin, de sapatos feitos com jornal reciclado
Modelo de sapatilha de jornal recicladoBolsas de Colin Lin, de jornal reciclado
Dizem que a necessidade é a mãe da criatividade…..ou algo parecido. Quem mora em lugares muito frios, já deve ter enrolado os pés em jornal antes de calçar as botas, pra manter aquecido. Eu sei de muita gente que usa esse segredinho. Mas duvido que alguém tenha pensado em fazer sapatos usando jornal. Sapatos para usar de verdade, sem esconder dentro das botas.

Pois a necessidade de atender um mercado que crescia rapidamente, e precisando de um material mais acessível e de custo baixo, fez Colin Lin, uma designer de calçados de Taiwan, esquecer as dúvidas: usou folhas de jornais. No caso jornais chineses. Colin Lin comenta: “Minha preocupação é o conforto, a moda e o meio-ambiente.”

Artesã montando as sapatilhas de jornal reciclado

Um artesão sapateiro com o molde de uma sapatilhaRecortando as tramas de jornal reciclado e montando os moldes
A experiência dela com o ramo já tinha 26 anos e encontrar uma forma para trançar as folhas não foi complicado. Com apenas 3 folhas e meia ela faz um par de sapatilhas que leva de 3 a 4 horas para ficar pronto e, acreditem, são vendidos por até U$150. E tem as bolsas, que demoram mais, uns 3 dias, e valem não menos que U$260.

Quem disse que um bom projeto de reciclagem não dá dinheiro? Colin já vendeu mais de 4 mil pares desses sapatos, que são forrados com algodão, tem um solado de borracha e não se preocupem: o jornal, depois de trançado, recebe um banho de plástico, que além de dar um brilho leve e melhor acabamento, protege e garante uma vida longa ao par de sapatos.

Solado de borracha do sapatos de Colin Lin

Detalhe do trançado em jornal reciclado das sapatilhas de Colin Lin
Colin não se faz de rogada e dispara:

Eu contribuo muito pouco para a reciclagem dos jornais que vão para o lixo todos os dias ao redor do mundo. Mas outros fabricantes de calçados e bolsas podem copiar a minha idéia e contribuir com a sua cota para solucionar o problema.”

Mas tudo que conseguimos saber é o que ela conta aqui. O pulo do gato, ahhhh, esse fic a com ela.

Tenho certeza de que tem alguém lendo esse artigo, com capacidade para desenvolver um projeto tão bom quanto esse. Quem é que se habilita?

Fontes: The Star On line, CCTV.com

Onde comprar: Moxsie e lojas da Anthropologie

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

Você vai gostar também de:

, , , ,

26 Responses to Jornal de ontem é o sapato de hoje

  1. angela 21 de julho de 2013 at 9:24 #

    bom dia gostaria de fazer sapatilhas vc tem modelagens para vender pra mim estou começando agora e gostaria de saber se vc pudesse me dizr pra que serve o cabedal e onde comprar materia prima e que eu nao consegui nenhum curso por aqui obrigada

    • Cris Turek 22 de julho de 2013 at 19:26 #

      Angela não fazemos esse tipo de trabalho, mas confira em nossa assunto Apostila e Cursos pois lá há material didático para chinelos. Talvez a artesã possa te ajudar melhor.

  2. marcela polese 12 de janeiro de 2013 at 16:12 #

    ola boa tarde,lindos as sandalhas de papel,haveria como compra-las p revende-las,consigo encontra-las?

    • Cris Turek 14 de janeiro de 2013 at 17:09 #

      Marcela informe-se nos sites indicados no final do texto.

  3. antonia M´´maria de caralho 8 de dezembro de 2012 at 20:57 #

    ADOREI OS SAPATOS FEITOS DE JORNA,PODERIA PASSAR O PASSO A PASSO.
    VOCÊ É INCRIVEL AMEI.

  4. Jady Santana 6 de junho de 2012 at 12:00 #

    bom adorei mais queria saber como fazer os sapatos. . . bjs
    envie o passo a passo pra mim fazer uns pra mim. . .

  5. Cidinha 8 de março de 2012 at 0:09 #

    Gente !!!! Isso é FANTÁSTICO!! Adoreiiiii!!!!Parabéns!! E que Deus continue capacitando estas pessoas tão especiais!!!!!!!Bjks. Cidinha

  6. Delurce 3 de janeiro de 2012 at 16:49 #

    EU QUERO SABER O QUE É ESTE BANHO DE PLASTICO, COMO CHAMA ESTE MATERIAL E ONDE COMPRA, E SE PUDER AS TÉCNICAS PARA TRANÇAR OS SAPATOS FEITO COM JORNAIS SE NÃO SOMENTE O BANHO DE PLASTICO OBRIGADA, POIS EU GOSTARIA DE APRENDER POIS EU TENHO 56 ANOS E TENHO DEPRESSÃO EU ACHO QUE SERIA UMA BOA OPÇÃO PARA EU ME DISTRAIR

    • Cris Turek 3 de janeiro de 2012 at 19:22 #

      Delurce, esse artigo é uma curiosidade sobre o trabalho dessa artesã chinesa. Ela não conta o pulo do gato. Se tivesse contado teríamos compartilhado com certeza. Beijos.

  7. Heloisa 14 de maio de 2011 at 23:00 #

    CRIS TUDO DE DEUS EM SUA VIDA,E MUITO OBRIGADA PELAS DICAS ADOREI A IDEIA DAS SACOLINHAS,ETAMBEM GOSTÁRIA DE SABER MAS SOBRE OS SAPATOS MUITO INTERESANTE ADOREI.

    • Cris Turek 15 de maio de 2011 at 13:58 #

      Heloisa, tudo que descobrimos sobre esses sapatos está nesse artigo. Não existem paps publicados pois, é claro, a artesã ganha muito dinheiro com esse trabalho. Já sabe né?

  8. Cleide Moura 1 de março de 2011 at 0:13 #

    Adorei!!Parabéns!!!

    É uma proposta bem interessante, né?

  9. fatima helena 8 de dezembro de 2010 at 10:53 #

    Oi Cris Querida! Amei este sapato de jornal. Vou pedir pro barbapires fazer.Diferente né? O seu site então demais..
    Bom dia.

    Fatima, se ele acertar fazer é uma ótima ideia para comercializar, afinal a criadora dos sapatos vende milhares deles, que tal?Obrigada amiga. Beijos.

  10. Glória Regina dos Santos Barros 21 de setembro de 2010 at 9:13 #

    Essa idéia dos sapatos é simplesmente fantástica. Tenho dois pares de sapatos pretos, de estimação, aguardando algum tipo de reforma. Quem tem habilidade em trabalhar com jornal, talvez consiga usar essa idéia com mais facilidade. Fiquei curiosa quanto ao que seria esse “banho de plástico” para dar durabilidade ao produto. Será que é a mesma técnica da decoupagem de guardanapos em chinelos? vou testar….é por isso que adoro visitar a Vila do Artesão.
    Beijos.

    Gloria, acho que o banho é um pouco mais complexo, mas basicamente a ideia é essa mesmo. Teste e me conte. Morro de curiosidade. Beijos.

  11. Rosa 9 de julho de 2010 at 15:31 #

    Lindas peças! Tb trabalho com acessorios reciclados e adoraria ter o passo a passo desses produtos,vcs teriam apostilas prá me fornecer ? Obrigada.

    “Rose, o sapato em questão não possui pap publicado. A artesã não conta como faz todo o processo, apenas dá as dicas que estão no artigo pra quem quiser arriscar. Se quiser fazer vai ser uma experiência nova. Vamos ficar devendo essa dica. Beijos.”

  12. Sheila Rocha 5 de fevereiro de 2010 at 19:16 #

    Ótima matéria Cris.
    Consumo consciente também para os fanáticos por sapatos!!
    Se algum artesão brasileiro descobrir a técnica eu ajudo a comercializar…rsrs

    Grande beijo e parabéns pelo conteúdo do blog.

    • Cris Turek 5 de fevereiro de 2010 at 20:54 #

      A oferta está aceita, Sheila. Já tá cheio de gente querendo saber como faz, só falta aparecer quem venha com o produto pronto, não é?
      Beijos.

  13. Vanuzia 5 de fevereiro de 2010 at 17:24 #

    Eu me habilito, pois amei suas peças e adoraria ganhar de você o passo a passo do sapato e da bolsa se possivel. Desde já agradeço. beijos

    • Cris Turek 5 de fevereiro de 2010 at 17:54 #

      Vanuzia, como eu expliquei antes no comentário para a Josete, o passo-a-passo da Colin não é divulgado.
      Trata-se de uma empresa que desenvolveu seu processo criativo, e esse é o seu maior bem.
      Ela até incentiva as pessoas a descobrir sua própria técnica, mas é claro que não ensina ninguém.
      Vamos aguardar contribuições de quem tenha alguma dica, e possa nos ensinar, ok?
      Abraços.

  14. Maria Jeane dos Santos Batista 5 de fevereiro de 2010 at 10:27 #

    Bom dia,diser que adorei este artesanato,não seria verdadeiro,pois acho ou tenho certesa que jamais vi,coisa mais linda,delicada amavel,adorei,amei e continuo apaixonada por artesanato,gostaria ate de receber mais informaçoes a respeito de artesanato com jornais,papelao,pet e cabaças,muitos parabens para voces que sao tao inteligentes e adoraveis,beijos sua fã.

    • Cris Turek 5 de fevereiro de 2010 at 11:43 #

      Maria Jeane, sempre estou escrevendo sobre atitudes como essa e também dando dicas para que vocês desenvolvam seus próprios trabalhos.
      A melhor maneira de estar por dentro de todas as nossas novidades, é se inscrevendo e recebendo tudo em seu e-mail.
      É gratuito e a inscrição é feita na barra lateral do blog, ok? Beijos, amiga.

  15. Josete Monteiro 5 de fevereiro de 2010 at 8:15 #

    Olá!!
    Bom dia!!
    Poderiam publicar o passo a passo do trançado de jornal.
    Parabéns por tudo que fazem com muito amor!
    Atenciosamente: Josete Monteiro

    • Cris Turek 5 de fevereiro de 2010 at 10:21 #

      Josete, é o seguinte: esses tipos de trabalho nunca divulgam o passo-a-passo porque são a fonte de renda de uma estrutura de porte.
      Colin Lin até incentiva outros fabricantes a copiar seu modelo, mas é claro que ela não conta como é que ela os faz.
      Fazer sapatos é o negócio dela, que ela desenvolveu sozinha; ela não dá mastigado pra ninguém.
      O nosso desafio e o de outros artesaõs do papel, é fazer o mesmo que ela fez, tentar, tentar e experimentar até acertar.
      A pergunta é: se alguém sabe como faz e quer compartilhar, estamos aqui pra aprender, certo?
      Abraços.

  16. iris sprição 5 de fevereiro de 2010 at 7:27 #

    Incrível. É tão bom saber que artesãos, em especial, contribuem de maneira satisfatória por uma mãe terra melhor. Parabens. Esse é nosso dever como cidadãos e principalmente como artesãos que transformam o mundo com cores e esperança. Beijo de carinho . Iris

    • Cris Turek 5 de fevereiro de 2010 at 10:14 #

      Iris, isso é realmente uma mudança de atitude que deveria estar nos hábitos de todos.
      Que bom que algumas pessoas as tomam com energia bem direcionada, não é mesmo?
      Beijos.

  17. lucia amelia 4 de fevereiro de 2010 at 23:37 #

    ficou muito fofo bjo que ideia otima.

Deixe uma resposta