Look do dia: bordado livre na camiseta

Look do dia: bordado livre na camiseta

Look do dia com bordado livre

Muita gente esquece que pode usar as próprias habilidades artesanais para criar seus looks de moda, e melhor: economizando.

Tempos atrás eu mostrei como customizar uma camiseta usando passamanarias, e fez tanto sucesso que nem acreditei. Ficou fácil de entender que com pouco investimento a gente pode ter roupas exclusivas, com detalhes únicos, feitos por nossas mãos. Não é ótimo?

Foi nessa vibe que eu decidi customizar uma outra camiseta básica, desta vez explorando o bordado livre. Com ela montei até um look casual chic, he he he 😎 

Bom, a verdade é que os bordados nas roupas estão com tudo, e como eu sei bordar um tiquinho, garanti minha camiseta estilosa, linda de morrer, e ainda por cima usando a cor Pantone do ano: Ultra Violet, com suas nuances.

Lembrando que este post tem o apoio da Círculo e sua visita por lá é super importante pra mim e para a Vila do Artesão.

Claro que você quer ver a cartela maravilhosa de cores que a Círculo tem para bordar, por isso é só clicar abaixo. Agradeço o seu aval  😉  

Cartela de fios Maxi Mouliné

 

Customizando com bordado livre

 

Escolha uma camiseta

Comece escolhendo uma camiseta. Eu, de cara compliquei minha história porque optei por esta malha canelada que trabalha pra caraca, tem muita elasticidade, e dificulta montar o bordado. 

Se você tá iniciando, escolha uma malha que trabalhe menos ou uma peça de tecido que seja mais folgadinha no corpo. É bem mais simples.

 

Separe seu material

Depois separe seu material: tesoura, bastidor, agulha para bordar e fio Maxi Mouliné. Veja só: não escolhi o Violeta por acaso. Como a camiseta é amarela, e o violeta é a cor complementar do amarelo, eu já sabia que ficaria ótima a combinação de cores.

Escolher a paleta de cores que queremos trabalhar faz toda a diferença, então aproveite que estes fios da Círculo tem uma variedade tão grande e usufrua em seu projeto.

A propósito, a cor que eu usei é a 974. Depois bordei alguns detalhes em nuances de lilás e violeta, mas basicamente usei esta cor que é uma mescla muito bonita.

 

Escolha o risco

O risco você pode escolher antes das cores ou depois. Como eu não queria nada multicolorido, apenas o fio mescla, deixei esta escolha para o fim. 

E fui para a internet pesquisar riscos: no Pinterest e no Google Imagens. Claro que é difícil encontrar um desenho exato para o tamanho da nossa peça, mas veja que eu imprimi e recortei algumas partes para adaptar ao que eu precisava. 

Explore, você vai encontrar muita coisa. Se gostou deste risco, que é simétrico mas foi feito à mão livre e tem uma organicidade, clique aqui e imprima.

 

Transferindo o risco

Transfira o risco

Eu ajustei o tamanho do desenho configurando minha impressora para que ficasse do tamanho que eu precisava. Agora o que precisamos é de uma base para transferir e um papel carbono.

Tem outros modos de transferir riscos, e você pode aprender sobre isso lendo este post aqui. Eu usei o papel carbono sem medo, porque depois de bordar, você lava e sai tranquilamente.

A primeira coisa é marcar o meio da sua camiseta e também do seu desenho, para alinhar e centralizar em relação às laterais. Em seguida vista a camiseta na base. Eu usei uma prancheta de madeira, mas pode ser qualquer pedaço de papelão mais durinho ou eucatex ou até vidro. Use o que tiver à mão.

Alinhei o risco com a camiseta, prendi o risco e por último coloquei o papel carbono entre os dois, com cuidado. Agora use uma caneta comum para contornar seu desenho e transferi-lo para o tecido. Faça isso com muita calma, sem pressa.

 

Prenda o bastidor

Prenda o bastidor para iniciar o bordado. O meu bastidor é simples, funciona bem, mas o bastidor com regulagem é muito melhor. 

 

O bordado livre

Se chama bordado livre porque você escolhe o ponto que quiser para preencher seu risco. E você explora criativamente toda a diversidade de pontos, criando uma interpretação única do seu risco.

Este desenho que terá uso na camiseta permite várias possibilidades: ponto atrás, ponto haste, ponto corrente, e outros pontos mais elaborados. Eu optei pelo ponto corrente porque dá um bom preenchimento e vai se adaptar melhor ao tecido desta camiseta. E terá durabilidade resistindo ao uso.

Considere isso tudo antes de iniciar, e se tiver dúvidas, não tenha medo de testar e desmanchar até se sentir satisfeita.

Comece a bordar

Comece a bordar pelo centro, especialmente em tecidos elásticos como o meu. As duas bolinhas centrais eu fiz em ponto cheio, e pretendia fazer todas as bolinhas usando este ponto, mas lá adiante mudei de ideia e você vai entender.

O resto do risco foi totalmente bordado em ponto corrente. Este ponto eu já ensinei pra você aqui, inclusive em vídeo. Para aprender e entender como ele é feito, clique em Como bordar o ponto corrente.

 

Bordado pronto

O legal do bordado livre é que as ideias podem ir se transformando ao longo do projeto. Quando eu já tinha bordado a parte central do risco eu olhei e visualizei que agregar mais nuances de lilases e violetas daria ainda mais realce ao bordado.

Assim as folhas mais de fora ficaram com outra tonalidade bem como as mais do alto. 

Foi neste momento também que decidi trocar o ponto cheio das bolinhas por cristais para bordado. Quando vi meu bordado pronto pensei: “Ele merece um destaque, ele tá pedindo um brilho”  😀 

 

Bordando cristais

Escolha seus cristais

Aí é o seguinte: existe uma imensidão de coisas que brilham pra gente agregar em projetos como este. Eu escolhi pequenos cristais em tom rosadinho, mas podem ser vidrilhos, canutilhos, paetês, strass. Já pensou aí?

 

Costure seus cristais

Aqui não tem muito segredo até porque não é uma imensidão de cristais. Eles estão todos espaçados e não vão alterar o modo como eu vou vestir a camiseta.

Assim eu costurei com linha de costura na cor do tecido, dupla, e a cada cristal eu reforcei com um nó no verso antes de seguir para o próximo. Caso, com o uso, a linha arrebente em algum ponto, fica fácil de consertar.

 

Look do dia

Look do dia: bordado livre na camiseta

Agora, pra finalizar resolvi brincar de fashionista  😛 

Montei um look do dia, casual chic rsrsrsrsrs, que funciona pra mim: shorts curto de jeans, sandália de saltinho e cinto. Tudo pra destacar a minha camiseta mais maravilhosa de linda ♥ ♥

Não é perfeito isso? Vou arrasar com minha basiquinha mais que exclusiva, pode ter certeza.

Quero ver você tentando, e depois indo lá no meu Pinterest marcar como Experimentado. Combinado? 

Círculo patrocina tutoriais da Vila e garante que você tenha acesso à dicas como esta. Retribua, visitando o site e conhecendo as receitas e toda a linha Círculo.

Fotos: Cris Turek

 

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

, , , , , , , , , ,

24 Responses to Look do dia: bordado livre na camiseta

  1. Maria Lucia 7 de Fevereiro de 2018 at 12:41 #

    Oi Cris, ficou simplesmente lindo! Amei! Ah, gosto muito de tecidos sim. Obrigada! Bjos. M Lúcia

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:08 #

      Obrigada amiga querida. Um grande beijo.

  2. Ludmila 5 de Fevereiro de 2018 at 22:36 #

    Parabéns, trabalho maravilhoso!

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:16 #

      Obrigada Ludmilla 🙂

  3. Marcia 5 de Fevereiro de 2018 at 12:20 #

    Bom dia Cris!

    Eu não te acompanho no Instagram.
    Também não tenho Facebok.
    Gostaria muito que você continuasse mandar por e-mail seus conteúdos.
    Ótimo domingo, fique com Deus!
    Bjo
    Marcia

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:18 #

      Marcia, mencionei apenas por curiosidade, pis lá eu já tinha postado fotos do processo. Enquanto conseguirmos continuarei a enviar os informativos por email 😉

  4. Dinamara 5 de Fevereiro de 2018 at 12:19 #

    Sim gostei do que vc faz

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:18 #

      Obrigada Dinamara 🙂

  5. Adriene 5 de Fevereiro de 2018 at 12:18 #

    Obrigada pela dica…eu não tenho instagram…mas depois vou ver o curso de cetim que vc mandou no email… e gostei do bordado na blusinha…

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:19 #

      Adriene, qualquer coisa é só escrever 🙂

  6. Sueli 5 de Fevereiro de 2018 at 12:16 #

    Olá! Amei seu blog! A camiseta está linda! Farei para as netas!
    Sucesso!
    Abraços,
    Sueli.

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:22 #

      Que ótimo Sueli, depois me mostra.

  7. Maria Conceição 5 de Fevereiro de 2018 at 12:15 #

    Boa noite ;
    Não porque não tenho instagram
    bjs

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:21 #

      Sem problemas Maria Conceição, a gente se vê por aqui 🙂

  8. Sirlei 5 de Fevereiro de 2018 at 12:13 #

    Bom dia!
    Onde posso comprar os produtos caso eu tenha interesse??
    Sirlei

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:20 #

      Sirlei, nas boas lojas de armarinho você encontra com certeza 🙂

  9. Fatima 5 de Fevereiro de 2018 at 12:12 #

    olá cris! já até imprimi o molde, muito linda!
    fátima

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:20 #

      Assim que eu gosto, Fatima.

  10. ARLINI SALGADO 5 de Fevereiro de 2018 at 10:37 #

    Show gostei uma regatinha simples sem graça transformada com um toque de bom gosto
    idéias mil para arrasar em vários momentos .

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:21 #

      Precisamos ser criativos hoje em dia, né Arlini? 😉

  11. delza vilma 4 de Fevereiro de 2018 at 18:58 #

    Ficou mto lindo

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:28 #

      Obrigada Delza 🙂

  12. Nemeton Kieran 4 de Fevereiro de 2018 at 12:17 #

    Fala sério! Bordado em camiseta??! Assim não dá!!! Meu queixo caiu! Lindérrima! E a cartela de fios Maxi Mouliné está mara, ainda por cima me inspirou ideias novas! Cris arrasa novamente, grata! 🙂

    • Cris Turek 16 de Fevereiro de 2018 at 16:23 #

      Uau, que super elogio, ainda mais que te inspirou a criar. Depois mostra seus resultados 😉

Deixe uma resposta