O bordado pra muito além do tecido

O bordado muito além do tecido

É bem interessante o movimento que existe e cresce a cada dia no sentido de resgatar o handmade. Especialmente técnicas tradicionais como rendas, crochê e bordado.

A moda é o canal mais democrático onde este movimento pode ser percebido. Talvez porque neste mercado as marcas trabalhem vigorosamente pra que tendências viralizem. Tudo em nome das boas vendas  😉 

Mas tenho observado que paralelamente à moda, estas mesmas técnicas, bordado, crochê, etc, estão se manifestando em outros suportes e com focos mais elevados. O que me deixa esperançosa e feliz.

Hoje estou escrevendo um post pra mostrar alguns trabalhos de arte que encontrei usando a técnica do bordado. Ou aplicado em suportes com tramas que remetem à trama do tecido ou em mixed media, sobre outras bases e em combinação com outros materiais.

Uma coisa é certa: as artistas tem talento sem dúvida, e há um profundo senso estético nestes trabalhos que os transformam em arte.

Do nosso ponto de vista artesanal, as técnicas em si estão ao nosso alcance e podemos nós mesmas brincar um pouco com estas propostas. Mesmo que a gente não elabore arte no sentido retórico da palavra, estamos liberando criatividade, e mantendo vivas estas antigas tradições.

Inspire-se nestes trabalhos e observe que nem sempre aquela ideia louca que tivemos seria realmente mal interpretada. Arrisque, quebre regras, reinvente. Veja os trabalhos destas mulheres quão interessantes e inspiradores. Por que não nós mesmas soltarmos as nossas ideias?  😀 

 

Bordado além do tecido

Falando destes trabalhos, vou apresentar as criadoras.

Lá na primeira foto e nesta abaixo temos o ponto cruz aplicado sobre tela de metal, tipo tela de galinheiro. As instalações são produzidas por Raquel Rodrigo que as prepara em seu atelier e depois instala no local programado. 

Fachadas com instalação de painéis de Raquel Rodrigo

Uma arte efêmera, uma forma de interferir na arquitetura e impactar pessoas através de um modo de bordar o ponto cruz. Conheça mais sobre Raquel Rodrigo, clique Arquicostura.com 

Outra maneira de tratar o bordado como arte, a gente vê nas obras de Diem Chau. A artista usa o bordado livre, tecido e peças de cerâmica como suporte de seus trabalhos de mixed media.Bordado em mixed media por Diem Chau

Artista premiada, suas peças têm uma delicadeza de traços, uma técnica interessante e diferente que explora o gestual de um jeito minimalista. E é bordado, veja só você.

O bordado e o tecido numa interpretação de Diem Chau

Ela tem um site com uma bela galeria de fotos, clique Diem Chau. Achei este um trabalho muito inspirador, atual, rico.

Por fim vou apresentar o trabalho de Mana Morimoto, que borda sobre fotografias. O bordado enriquece as fotos, agregando informação e mensagem numa linguagem super moderna.

Bordado sobre fotografia de mana Morimoto

Em algumas obras Mana usa fotos antigas e até reproduções de obras bem famosas, sempre em preto e branco para ressaltar as cores dos fios. Em outras obras ela usa fotos bem atuais, numa linguagem artística contemporânea pop.

Mana Morimoto e suas fotografias bordadas

Mana tem uma página no Facebook com mais imagens, clique Mana Morimoto.

Sempre que vejo trabalhos como estes, eu sinto um chamado interno que pede para colocar mãos à obra e criar. Nossas técnicas artesanais são nossa forma de linguagem e nosso modo de nos comunicar com o mundo.

Então, qualquer que seja esta técnica, da próxima vez que for trabalhar num projeto, coloque seu melhor. Expresse-se.

Especialmente quando o faz com todo o seu capricho  😉 

 

Não copie, compartilhe.

Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

Você vai gostar também de:

, , , ,

8 Responses to O bordado pra muito além do tecido

  1. Darci 28 de Janeiro de 2017 at 19:08 #

    Boa tarde!
    Em 2016 fiz minha inscrição,paguei as aulas,e não pude fazer o curso,pois meu computador estava com problemas,eu ainda posso fazer esse curso,me retorna,explicando como devo proceder.
    Obrigada

    • Cris Turek 30 de Janeiro de 2017 at 13:50 #

      Darci, de qual curso você está falando exatamente?

  2. Eliete 28 de Janeiro de 2017 at 19:07 #

    adorei os bordados! Obrigada, eu sei bordar muito bem, já fiz enxoval para noiva. beijos

    • Cris Turek 30 de Janeiro de 2017 at 13:50 #

      Eliete, já pensou em fazer arte como estas? Olha como ficou lindo 🙂

  3. Eliane 28 de Janeiro de 2017 at 19:07 #

    Achei lindos os trabalhos e adorei a dica.
    OBRIGADA.

    • Cris Turek 30 de Janeiro de 2017 at 13:49 #

      Lindos mesmos, né Eliane?

  4. Thaïs 28 de Janeiro de 2017 at 14:52 #

    Oi Chris, este post foi muito inspirador. Parabéns!!!

    • Cris Turek 30 de Janeiro de 2017 at 13:46 #

      Sabe que pensei em você Thais? Acredite 😉

Deixe uma resposta