O brilho da Turmalina Paraíba

A rara Turmalina Paraíba adornada com diamantes A Turmalina Paraíba é a pedra preciosa desse anel

Cinco anos de um árduo trabalho de mineração no interior da Paraíba, levaram Heitor Dimas Barbosa a encontrar os primeiros cristais de uma pedra, cuja cor de um azul neon único impressionou o GIA – Gemological Institute of America, o respeitado instituto responsável pela análise das pedras encontradas por ele. Isso foi em 1989 e a partir daquele momento, as gemas tornaram-se objeto de desejo de joalheiros e colecionadores, que a denominaram Turmalina Paraíba. Vale lembrar que existem turmalinas de vários outros tons e azuis como as brasileiras, mas o segredo da beleza da nossa pedra está no brilho que é atribuído às quantidades específicas de cobre nela contida. Outra coisa interessante em relação à Turmalina Paraíba, é que comumente ela possui em seu interior uma boa quantidade de ouro. De qualquer forma é o cobre que dá à ela o seu brilho inconfundível. A Turmalina Paraíba é extremamente rara, mais até que os diamantes, o que a torna ainda mais cara. O que acontece é que as minas são limitadas e a sua retirada é feita à mão, com instrumentos como cunhas e marretas. Os poucos veios existentes aqui no estado da Paraíba são tão finos quanto um lápis, portanto as gemas, quando encontradas, costumam ser muito pequenas e fragmentam facilmente. Todas essas dificuldades, tornam a pedra mais rara e mais cara. Os grandes e mais conhecidos joalheiros como a Amsterdam Sauer e a H. Stern admitem ter poucas jóias com a gema, pois consideram que o seu valor alto limita o mercado aos consumidores que já possuem todas as outras pedras. Pela beleza das jóias dá pra imaginar quantos consumidores têm condiçoes de adquirí-las, não dá?

Saiba mais sobre São José da Batalha, onde a Turmalina Paraíba foi encontrada pela primeira vez.

Fontes: Artfinding e  Tourmaline Paraiba Dealers

Você vai gostar também de:

, , , , , ,

16 Responses to O brilho da Turmalina Paraíba

  1. Newman 9 de novembro de 2013 at 13:44 #

    Sou paraibano e gostaria de comprar uma pedra de turmalina paraiba.

  2. Demócrito Machado 1 de setembro de 2012 at 0:21 #

    Caros amigos, S.J. da Batalha, ñ é um Município e sim um Distrito do Municipio de SALGADINHO.

  3. Adriano 31 de agosto de 2011 at 22:55 #

    Você saberia responder porque essas pedras são encontradas tão baratas na internet? Tem de 10cts por R$300,00. Qual a diferença entre a cromo, neon, e electric blue? porque tem Paraiba que ñ tem neon? Só existe Paraibas no Brasil em Batalha ou só na Paraiba? grato.

    • Cris Turek 31 de agosto de 2011 at 23:06 #

      Adriano, só tenho informação suficiente pra dizer que a pedra leva o nome de Paraíba porque a tonalidade de azul que possui só é encontrada naturalmente aqui na Paraíba. Outros detalhes sobre a pedra eu não sei informar. E Batalha é uma cidade da Paraíba.

  4. JOÃO PESSOA DA COSTA 23 de junho de 2011 at 11:40 #

    SOU PARAÍBANO COM MUITO ORGULHO, E GOSTARIA MUITO QUE O GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA ENXERGASSE COM BONS OLHOS, E INVESTISSE NO MUNICÍPIO DE SÃO JOSE DA BATALHA; UM MUNICÍPIO TÃO RICO DE OCORRÊNCIAS MINERAIS PORÉM ABANDONADO PELO PODER PÚBLICO LÁ FALTA DE TUDO O ABANDONO É TOTAL.

  5. joão pedro campos 26 de abril de 2011 at 20:30 #

    eu moro na Paraíba, e é um orgulho muito grande ver que a gema mais rara do mundo (tão rara que parece q ja acabou!) está aqui na minha terra! gosto de pedras, e coleciono há uns 6 anos, desde que tinha 8 anos! é obvio que ainda nao tenho a turmalina paraiba em minha coleção, afinal, é muuuito cara, mas quem sabe… apropósito, vou participar de um concurso de redação sobre o semi arido paraibano no meu colegio, e vou falar sobre a pedra. gostei muuito do seu artigo, e com certeza usarei ele como uma das minhas fontes! thiago,eu vi numa feira de artesanato que uma pedrinha beeeeeeeeem pequena custa 300,oo reais, dependendo ai, vc tem uma fortuninha hein….

  6. Thiago 12 de fevereiro de 2011 at 9:15 #

    quanto custa em media a grama da tubalina eu tenho uma e queria saber.

    Sinto muito, mas não posso te ajudar pois essa não é a minha área de trabalho, sou artesã. Pesquise em sites de pedras. Boa sorte.

  7. Karina Banho de Espuma 6 de dezembro de 2010 at 8:57 #

    Cris, achei este antigo artigo por acaso, qdo fui responder o post desse final de semana… Sabe que eu já vi essa pedra sendo vendida em joalherias no Japão, e tive um susto qdo vi seu nome… sim, mesmo em japonês eles escrevem como turmalina paraíba… realmente eram peças mto caras, mas de uma beleza única, sua cor azul se destaca entre as outras pedras… me deu uma coceirinha adquirir uma peça com essa pedra, nem que fosse de uma pedra bem pequena…rs mas seu preço é bem salgado e acabei desistindo…rs…
    Bjos com carinho,
    Karina

    Então Karina, o Japão é um dos grandes compradores da pedra que usa a denominação Paraíba para se referir ao tom único de azul da pedra. Interessante seu depoimento. Obrigada por participar. Beijos.

  8. cristina 17 de agosto de 2010 at 14:21 #

    Eu moro na paraiba e sei que na cidade de Brejo do Cruz a terra de Zé Ramalho tem uma jazida de pedras de turmalina,a conhecida serra de Brejo,onde ele até fala na sua música que diz:”na pedra de turmalina e no terrero da ursina me criei..” e de lá que ele se refere.

    Obrigada pela contribuição. Bacana agregar dados.

  9. antognetti pier giorgio 24 de julho de 2010 at 17:03 #

    avete tormaline paraiba in vendita?a chi mi posso rivolgere per acquistarle? grazie

    Sinto, mas não tenho essa informação Antognetti. O artigo sobre a turmalina é apenas uma curiosidade e não é nossa área. Abraço.

  10. leandro 21 de dezembro de 2009 at 10:36 #

    muito linda kero muito poder fazer um tarbalho kom esse tiporaro d pedra msm sabendo q e muito dificil ….

    • Cris Turek 21 de dezembro de 2009 at 12:16 #

      Com certeza fácil não é, mas boa sorte.

  11. Ronaldo 10 de novembro de 2009 at 15:58 #

    Azul minha cor preferida pedra maravilhosa icrustada num anel muito bonito um trabalho muito bem feito digno de uma pedra assim.

  12. romerio de lima guimaraes 1 de outubro de 2009 at 9:15 #

    onde fica São José da Batalha?

  13. poio 1 de setembro de 2009 at 11:33 #

    muito bom é otimo

Deixe uma resposta