Batik para criar suas estampas em tecido

Minha almofada feita com tecido estampado na técnica do Batik

Estampas exclusivas são um desejo bem óbvio para quem quer criar peças de decoração com diferencial. A estamparia em tecido é uma boa pedida para alcançar este fim. E usa várias técnicas interessantes, entre elas o Batik. Um feito à mão que facilita a realização desses desejos por tecidos únicos.

Mas o que é o Batik?

O que é o Batik

O Batik é uma técnica de tingimento de tecido criando uma estampa desenhada à mão. Nesta técnica o tecido é isolado com cera quente antes de receber a tinta. Dessa forma os desenhos são criados com um toque muito pessoal, já que é impossível que uma peça seja reproduzida diversas vezes.

Imagina-se que muito provavelmente foi criado pelos chineses, já que a origem exata ainda é duvidosa. O batik evoluiu com os javaneses que desenvolveram instrumentos que facilitam sua aplicação.

Para nós, que somos iniciantes nessa brincadeira, vamos adaptar a técnica. Vamos usar uma ferramenta simples e bem conhecida para criar nossas estampas: o pincel. Os javaneses criaram um tipo de “cachimbo”, o chanting, com o qual os desenhos aplicados podem ser extremamente detalhados.

A minha indicação é que se você desejar se aprimorar na técnica deve procurar um curso presencial. Assim conseguirá descobrir os segredos dessa arte incrível de estampar tecidos.

Como fazer o batik com pincel

Como somos principiantes, vamos começar com um tecido simples e mais barato. Para não ter medo de arriscar. Separe uma peça de algodão cru e tintas de tecido. Existe nas lojas de material para artesanato, tintas aquarela para batik da Acrilex, a Aquarela Silk. Existem outras marcas, é apenas uma questão do que você encontra na sua loja preferida.

Caso não encontre nenhuma opção, use tinta para pintura em tecido. São tintas de tecido comum mesmo, mas também pode ser tinta silk de uso mais profissional. O que faremos neste caso é diluir bastante essas tintas, para que fiquem como aguadas coloridas. Você verá em seguida.

Dica de artesã: antes de começar lave o seu tecido para retirar toda a goma que possa haver nele e que impede que a tinta seja absorvida. Especialmente no caso do algodão cru.

Faça um esboço no papel do desenho que deseja criar

Primeiro de tudo, faça um esboço num papel do desenho que deseja criar ou separe a gravura que quer reproduzir no tecido.


Fixe o tecido na área de trabalho

Corte o tecido no tamanho do projeto que vai elaborar e fixe-o sobre a área de trabalho com fita crepe. Repare que a área de trabalho está protegida para não sujar com a tinta.


Baseado no esboço, desenhe o seu tecido

Baseado no esboço feito, desenhe o seu tecido. Pode ser lápis para costura ou lápis comum mesmo.

A parafina

Leve a parafina para derreter

Leve a parafina para derreter no fogo. Essa é a mesma parafina usada para fazer velas. Ela precisa ficar bem transparente, mas não pode esquentar demais. Para saber o ponto ideal pingue a parafina num retalho do tecido. Ela deve ser absorvida totalmente. Se ficar parecendo com um pingo de vela significa que ainda está fria.


Molhe seu pincel na parafina

Molhe seu pincel na parafina. O pincel deve ser de cerdas arredondadas e tamanho médio. Lembre de manter a parafina sempre aquecida para não perder o ponto.


Passe o pincel com parafina sobre o desenho

Passe o pincel com parafina sobre o desenho com bastante cuidado. Onde a parafina for aplicada o tecido não absorve a tinta. Dessa forma pode-se criar uma gama enorme de desenhos e gravuras.


Observe que o desenho do batik vai sendo recoberto com a parafina

Observe que o desenho vai sendo recoberto com a parafina. As formas que são fechadas, como a estrela, precisam ser bem isoladas com a parafina. Lembre que onde você está aplicando a parafina o tecido ficará branco.

O Batik fica bacana com muitos detalhes no desenho, explore.

Pintando o tecido

Comece a pintar o tecido

Mesmo bem diluídas, as tintas não ficam translúcidas. Elas vão tingir bem.

Comece a pintar o tecido com as tintas diluídas. Pode pintar sobre a parafina, sem medo. Respeite apenas a definição que escolheu para das áreas do seu desenho.


Aplique a tinta para o batik conforme seu projeto

Aplique as tintas conforme seu projeto. Observe como as cores não passam de um lado da parafina para o outro mesmo estando bem diluídas. E note dentro do pote como a tinta está aguada.

Aguarde que o tecido seque totalmente antes de prosseguir. Finalmente seque na sombra.

Remova a parafina

Removendo a parafina do batik

Vamos retirar a parafina somente quando a tinta estiver totalmente seca.

Para retirar a parafina use um ferro bem quente. Coloque o jornal sobre as partes da sua estampa onde tem parafina e passe o ferro em cima. A parafina derrete e é absorvida pelo jornal.

Pode substituir o jornal por papel toalha.


Troque o jornal várias vezes

Troque o jornal várias vezes e retire o máximo possível de parafina. Se por acaso alguns resquícios permanecerem, eles sairão com as lavagens.


Vejam como a parafina é absorvida pelo jornal

Veja como a parafina é absorvida pelo jornal.

Hora de usar o tecido

O tecido já está pronto para ser usado num projeto quando retiramos a parafina. Pode ser uma bolsa, uma cortina, um traje ou outra peça qualquer. Eu costurei uma almofada para sala. 

Almofada com tecido estampado em Batik para a sala

As ondas do mar e o sol que brilha sempre já fazem parte do meu dia-a-dia. E foram para a minha estampa.

Escolha os temas que te inspiram e manda brasa no algodão cru. Depois mande uma foto para o nosso grupo no Pinterest. Clique aqui 😉

Finalmente

Fácil, não acha? 

Como eu contei no início, os javaneses desenvolveram uma ferramenta que facilita a aplicação da parafina em desenhos bem miudinhos. E as linhas finas é que enriquecem o batik. Precisa apenas de treino.

De qualquer forma, com o pincel é possível soltar a imaginação e criar muitas gravuras. E principalmente brincar com a técnica 🙂

Divirta-se com essa opção e confira também nossas dicas de Tie-Dye, cliquem O que é o Tie-Dye e como aplicar

Fotos e passo-a-passo: Cris Turek

Não copie, compartilhe.
Clique e leia nossa licença com as regras para reprodução.

, , , ,

19 Comentários para Batik para criar suas estampas em tecido

  1. Ana Pimenta 20 de abril de 2021 às 14:23 #

    Olá gostaria de saber que tinta usar para fazer o batik e também onde encontrar para comprar. Grata Ana

    • Cris Turek 20 de abril de 2021 às 14:30 #

      Ana, atualmente já tem no mercado tintas para batik e tie-dye. Tem a Tinta Aquarela Silk, da Acrilex. Mas nas lojas de material para artesanato você consegue encontrar esta e outras marcas para aplicar o batik. Beijos.

  2. maria celia 17 de fevereiro de 2016 às 23:02 #

    que máximo…amei…farei com certeza….brigaduuu

    • Cris Turek 18 de fevereiro de 2016 às 14:43 #

      Que legal Maria Celia, depois me conte. Beijos.

  3. conceição abade 14 de agosto de 2014 às 20:37 #

    maravilhoso eses trabalhos Deus abençoi suas mãos.

  4. Luciane 11 de dezembro de 2013 às 17:08 #

    Muito Lindo.Parabéns e muito obrigada por divulgar um trabalho tão bonito conosco.Que Deus te abençoe sempre.

    Bjs

  5. Rosangela 23 de agosto de 2012 às 16:14 #

    Claudia, os desenhos parecem fáceis, mas para quem nao sabe ou acha que nao sabe desenhar, o batik fica lindo também com formas (circulos, triangulos, quadrados_)… pode obter flores de fundo de garrafa pet (cuidado com a temperatura da parafina) e formas de pedaços de madeiras ou outro material e carimbar o tecido.
    Cris, a-do-rei!!!!!

  6. nilda 20 de março de 2012 às 8:09 #

    Adorei,vou fazer,quando estiver pronto eu mando uma foto…bjssss

  7. wiviane brasil 23 de fevereiro de 2012 às 12:25 #

    Adorei está idéia,vou tentar fazer se der certo mando dizer..obrigado

  8. eliane rajkov 21 de fevereiro de 2012 às 15:44 #

    Nossa q tecnica maravilhosa parabens mais uma vez bjssssssssssssss

  9. izabel cristina 13 de fevereiro de 2012 às 16:41 #

    olá cris! adorei a idéia, gosto muito do tie dye e essa tecnica vai me ajudar um montão,beijos

  10. Maria da Solidade Oliveira Vieira 12 de fevereiro de 2012 às 13:42 #

    Amei a ideia. Fácil e muito linda pode enfeitar qualquer ambiente da casa. Bjs

  11. Teresinha Ferreira 10 de fevereiro de 2012 às 9:33 #

    Olá Cris,
    Estou amando tudo por aqui. Dicas fáceis para o nosso dia a dia e sem contar que é bem mais econômico colocar a mão na massa e ver um lindo resultado do nosso trabalho.
    Meu blog

    Tudo de bom

  12. dirce lins 8 de fevereiro de 2012 às 21:56 #

    OI MUITO BOM GOSTEI ABRAÇOSSSSSSSSSSSSSSSSSS

  13. Zuleica Niederauer Leote da Silva 8 de fevereiro de 2012 às 21:56 #

    Esse blog serve para promoção humana! Muitas bênçãos!

  14. Angelita Siqueira 8 de fevereiro de 2012 às 15:57 #

    Amei!fácil de fazer, pouco investimento e simplesmente lindo…
    Parabéns!!!

  15. Marlene Goulart 8 de fevereiro de 2012 às 11:32 #

    Que técnica fácil e proveitosa.Valeu mesmo!Vou mudar a decoração aqui na minha sala.Jogarei com as cores.Obrigada.

  16. Antonio Carlos 8 de fevereiro de 2012 às 4:05 #

    Parabéns Cris, ótimo post!
    É por isto que você merece todo sucesso do mundo.
    Abração pro cê

  17. claudia 7 de fevereiro de 2012 às 20:53 #

    Q lindo! Eu so não sei desenhar bem assim!

Deixe um comentário